Descrição do Projeto

Início » Próximas Viagens » Cogumelos da Mata Atlântica

Cogumelos da Mata Atlântica

 

Destino: Sítio Agroflorestal São José | Paraty-RJ

Viva uma experiência de imersão na Mata Atlântica e conheça mais sobre a diversidade de cogumelos da floresta com a condução de dois dos maiores especialistas no Brasil: Jorge Ferreira, botânico e naturalista e Marcelo Sulzbacher, pesquisador de cogumelos.

Através de caminhadas na floresta, indicação de referências, rodas de conversa e atividades gastronômicas com cogumelos, essa jornada promove um mergulho integrando conhecimentos acadêmicos, científicos e populares.

Ao longo do encontro, os participantes receberão orientações de como se identifica e coleta cogumelos, técnicas de reconhecimento na floresta, cuidados e orientações sobre seu uso, além de conhecer seus aromas, sabores e potenciais alimentícios e medicinais. A vivência acontece no Sítio Agroflorestal São José, localizado no Sertão do Taquari, espaço de referência nacional em sistemas agroflorestais. 

Esta vivência é destinada a estudantes, donos de restaurantes e bares, profissionais da gastronomia, pessoas apaixonadas por cozinhar e demais interessados em agrofloresta e cultivo de fungos. Não é preciso ter nenhuma formação para participar. 

Conheça mais possibilidades para uma alimentação rica e saborosa nessa imersão na Mata Atlântica.

SOBRE OS FACILITADORES

Jorge Ferreira 

Nascido em Paraty, Jorge adquiriu empiricamente com seus familiares o olhar para identificação botânica, assim como construiu relações harmônicas com a Natureza. Iniciou seus estudos científicos de forma autônoma, em contato com universitários que frequentavam o sítio da família Ferreira para estudos de agrofloresta. Mais tarde, passou ao estudo de botânica e transformou tudo isso em uma carreira dedicada à agrofloresta, aos alimentos e às plantas medicinais. Hoje, trabalha diretamente com projetos dedicados ao cultivo de relações harmoniosas com a natureza e no desenvolvimento de sistemas de produção sustentável. 

Marcelo Sulzbacher

Biólogo e Mestre em Ciência do Solo, doutor em Biologia de Fungos. Marcelo é pesquisador sobre cogumelos e entusiasta da gastronomia com este grupo. Realiza diversas atividades com publicações em periódicos nacionais e internacionais, além de proporcionar vivências sobre identificação e coleta de cogumelos comestíveis no Sul do país.

Principais Atividades

  • Vivência no Sítio Agroflorestal São José

  • Identificação e coleta de cogumelos na Mata Atlântica

  • Rodas de conversa e atividades práticas

  • Atividades gastronômicas com preparo de cogumelos comestíveis

Cronograma

 

DIA 1

09h30  Encontro no ponto final de ônibus do bairro Sertão do Taquari. Apresentação dos participantes e da vivência.

10h00  Trilha para o Sítio Agroflorestal São José: observação ativa da floresta e coleta de cogumelos. 

12h00  Chegada no sítio.

12h30  Almoço preparado com produtos locais e PANCs. 

14h00  Aula de morfologia: características de espécies comestíveis e não-comestíveis 

16h00  Intervalo / Café da tarde

16h30  Atividade gastronômica: preparo de cogumelos

19h00  Jantar 

 20h00  Saída noturna para observação de cogumelos bioluminescentes.

DIA 2 

07h00  Café da manhã da roça preparado com produtos locais.  

08h00  Saída para floresta primária: observação e coleta de cogumelos.

12h30   Almoço preparado com produtos locais e PANCs. 

14h00   Cultivo: cogumelos e agrofloresta

15h30   Confraternização do grupo  e encerramento  

16h30   Saída do sítio São José

17h30   Chegada no Sertão do Taquari

Inscrições

Investimento: sob consulta

O que inclui

  • dois dias de vivência com Jorge Ferreira e Marcelo Sulzbacher
  • uma diária de hospedagem em quarto compartilhado no Sítio São José
  • almoço, café da tarde e jantar no dia 1
  • café da manhã e almoço no dia 2
  • seguro viagem
  • receptivo Samaúma

O que não inclui

  • transporte até Paraty
  • deslocamento local até o Sertão do Taquari
  • refeições não listadas
  • lanches e bebidas adicionais

Sobre o percurso

A vivência começa no caminho para chegar ao sítio. A trilha é de nível leve e dura cerca de 1h30, ficando íngreme no final. Vista roupas e calçados confortáveis, leve água para o percurso e procure levar o mínimo de volumes para carregar. Use protetor solar e traga repelente de insetos. 

Transporte / Como chegar

Vamos sugerir a organização de caronas e viagens compartilhadas com o grupo de participantes. Caso prefira, oferecemos também a opção de transporte executivo em van a partir das cidades do Rio de Janeiro e São Paulo. Seguem informações abaixo:

_Para quem vem de carro de SP:

Na estrada BR 101, passe o trevo de Paraty e siga no sentido Angra dos Reis por 24km, até ver a placa Sertão do Taquari, no km 551. Vire à esquerda e siga por essa rua até a casa 1574, onde será o ponto de estacionamento para o grupo. Em seguida, caminharemos a pé até a entrada da trilha, que fica cerca de 300 metros adiante. 

_Para quem vem de carro do RJ:

Na estrada BR 101, siga sentido Paraty. Após ver as indicações das praias de São Gonçalo e Taquari, siga até ver a placa Sertão do Taquari e os pontos de ônibus do bairro. A entrada fica logo após a ponte do rio Taquari, no km 551. Vire à direita e siga por essa rua até a casa 1574, onde será o ponto de estacionamento para o grupo. Em seguida, caminharemos a pé até a entrada da trilha, que fica cerca de 300 metros adiante. 

Deslocamentos locais

Para chegar do centro de Paraty ao Sertão do Taquari, é possível ir de ônibus circular da cidade ou em carro privativo. Fale conosco para mais informações!

Hospedagem

Caso você queira chegar na cidade de Paraty ou no Sertão do Taquari na sexta-feira, entre em contato para receber indicações de hospedagens parceiras.  

 

Entre em contato

Estamos à disposição para tirar dúvidas, oferecer maiores informações e ajudá-lo no planejamento de sua viagem!